É dessa vez!

foto3

(foto: Google imagens)

Chegou a visita tão esperada, o ano de 2017! Ficará conosco por exatos 365 dias. Arrumamos a casa, planejamos a ceia do Reveillon, a cor da roupa, as simpatias, a trilha sonora e coisa e tal. É que Ano Novo tem cheiro de bebê recém-nascido, tem cara de papel em branco, tem jeito de menino travesso, tem mistério de mar, tem encanto de mata, tem brilho de fogos de artificio.

Que bom seria se essa sensação de recomeço de um ano que se inicia, se mantivesse intacta apesar da rotina, das contas a pagar (as vezes sem saldo suficiente para cobrir), do transito que não flui, dos quilos a mais denunciados naquela calça que não fechou,
do concurso que “se matou” estudando, mas não passou, das notícias da guerra na Síria, dos atentados por esse mundo afora que leva tanta gente embora, sem ao menos se despedir.

O fato é que na passagem do Ano, a gente fica naquela expectativa de que Deus “vai tirar a nossa pasta da prateleira”, que vai enfim conceder “aquele velho pedido”, vai dar aquele jeitinho de Pai, para que a gente seja ainda mais feliz.

É muito bom fazer planos para um novo ano, mas melhor ainda é quando nos dedicamos a realizá-los de verdade, sem “mas mas”, sem “mimimi”, sem dar desculpas para adiá-los ou desistir deles, mas sim objetivando-os dia a dia, passo a passo, seguindo em frente, ainda que ocorram algumas “paradas emergenciais ou estratégicas pelo caminho”. Afinal, pedras são para serem contornadas, taí os rios que não me deixam mentir.

Então, quais os planos que fizemos para o nosso visitante? Ele simplesmente passará por nós ou faremos com que deixe a sua marca em nossas vidas?

Nos comprometeremos de fato com a mudança que tanto queremos ver no mundo?

Seremos agentes de uma mudança absolutamente urgente e necessária ou mero espectadores da “novela” tantas vezes reprisadas em capítulos de violência, egoísmo, indecência, comodismo, intolerância e tantos outros?

2017 é hora de recomeçar, aliás sempre é! Começando por cada um em si, em cada um para cada um e em cada um para todos.

“Era uma vez” que nada, é DESSA VEZ!

Anúncios

8 comentários em “É dessa vez!

  1. Parabéns Marcia pelo lindo texto poético e ao mesmo tempo real.Quem lhe conhece no dia a dia sabe que essa poesia fluiu naturalmente, sem esforço algum, pois vc fala e age igual. Que o 2017 lhe oportunize todos os sonhos e realidades da sua vida.
    Bj grande.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s